Extensão

A Extensão é entendida como a prática acadêmica que interliga as atividades de ensino-pesquisa da IES com as demandas da população, possibilitando a formação do profissional cidadão e se credenciando, cada vez mais, junto à sociedade, como espaço privilegiado de produção do conhecimento significativo para a superação da desigualdade social. É importante consolidar a prática da Extensão, possibilitando a constante busca do equilíbrio entre as demandas socialmente exigidas e as inovações que surgem do trabalho acadêmico.

Entende-se que é papel da extensão ampliar a visão de mundo do aluno, do professor e do funcionário que participam das atividades.

São consideradas atividades de extensão quaisquer tipos de atividades que envolvam, mesmo que parcialmente, consultorias, assessoriais, cursos, simpósios, conferências, seminários, debates, palestras, atividades assistenciais, artísticas, esportivas, culturais e afins, entre outras, intra ou extramuros, presenciais ou à distância.

Os projetos são elaborados segundo critérios definidos pela Coordenação de Iniciação Científica e Extensão em Editais e ainda há os projetos inscritos em fluxo contínuo. Os projetos podem ser renovados a cada ano, conforme o tempo previsto para a sua consecução. O Projeto de Extensão deverá contemplar uma ou mais linhas de Pesquisa da FAPAS ou dos cursos de Direito, Filosofia e Teologia.

A gestão dos projetos de extensão fica a cargo da Coordenação de Iniciação Científica e Extensão, diretamente ligada ao Diretor da instituição.

Os projetos devem ser elaborados segundos critérios definidos pela Coordenação de Iniciação Científica e Extensão, coordenados por um professor da FAPAS, passar pela Coordenação do Curso, e quando necessário, pelo Comitê de Ética, pela Coordenação Acadêmica e pela Coordenação Administrativo-financeira.

Formulários

Links